Preservação dos arquivos nato-digitais do Centro de Empreendedorismo da UFS
PDF/A
HTML
XML

Palavras-chave

documentos nato-digitais; organização documental; preservação digital; gestão de documentos; arquivologia.

Como Citar

ALMEIDA NETO, V.; ARAÚJO, A. dos S. Preservação dos arquivos nato-digitais do Centro de Empreendedorismo da UFS: diagnóstico situacional. Revista Brasileira de Educação em Ciência da Informação, São Cristovão, v. 9, n. número especial, p. 1–17, 2022. DOI: 10.24208/rebecin.v9.344. Disponível em: https://portal.abecin.org.br/rebecin/article/view/344. Acesso em: 27 set. 2022.

Resumo

O presente artigo aborda a análise do ambiente digital (Google Drive) do Centro de Empreendedorismo (CEMP) da Universidade Federal de Sergipe (UFS) realizado através de um diagnóstico situacional dos arquivos que já nascem na modalidade digital desenvolvido durante a execução do projeto de extensão: Gestão dos Documentos Digitais que foi realizado no período de julho a novembro de 2021. O referido projeto teve por finalidade analisar os arquivos digitais que estavam dispersos no banco de dados da unidade organizacional (CEMP), identificar as falhas que dificultam a recuperação da informação, e verificar a viabilidade de aplicação de um sistema de organização documental padronizado respaldado por políticas a fim de garantir a execução das ações. Tem por objetivo geral apresentar os resultados do diagnóstico realizado durante o período de execução do projeto; como objetivos específicos organizar os documentos nato-digitais e preservar a memória digital. A metodologia consistiu em uma pesquisa de cunho exploratório e descritivo, quanto aos meios é uma pesquisa bibliográfica e de campo, quanto à abordagem é qualitativa e quantitativa. Os resultados obtidos apontam para a preocupação da unidade organizacional com a organização e recuperação da informação devido à ausência da gestão de documentos e a mudança do banco de dados para um repositório digital confiável arquivístico para adequar-se às resoluções do Conselho Nacional de Arquivos (CONARQ).

https://doi.org/10.24208/rebecin.v9.344
PDF/A
HTML
XML

Referências

ALVARÃES, M. L. Google Drive: um estímulo ao trabalho colaborativo e cooperativo no ensino profissional: um estudo de caso. 2018. Tese (Doutorado) – Universidade Católica Portuguesa, Braga, 2017.

ARQUIVO NACIONAL (Brasil) Dicionário brasileiro de terminologia arquivística. Rio de Janeiro, 2005. 232p. Publicações Técnicas, n. 51, Disponível em: http://www.arquivonacional.gov.br/images/pdf/Dicion_Term_Arquiv.pdf. Acesso em: 17 out. 2021.

ARQUIVO NACIONAL (Brasil). Gestão de Documentos: curso de capacitação para os integrantes do Sistema de gestão de Documentos de Arquivo – SIGA, da administração pública federal. Rio de Janeiro: Arquivo Nacional, 2011. Disponível em: http://www.siga.arquivonacional.gov.br/images/cursos_capacitacao/Apostila_gestao_documentos_2015.pdf. Acesso em: 10 fev. 2022.

BARBEDO, F. Arquivos digitais: da origem à maturidade. Cadernos BAD (Portugal), n. 2, 2005. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/82209. Acesso em: 16 out. 2021.

BARBOSA, A. L.; BORIN, J. F. Impactos da LGPD em aplicações da Internet das Coisas. 2021. Disponível em: https://www.ic.unicamp.br/~reltech/PFG/2021/PFG-21-28.pdf. Acesso em: 20 mar. 2022.

BRASIL. Lei nº 13709, de 14 de agosto de 2018. Lei Geral de Proteção de Dados. Diário Oficial da União: seção 1, Brasília, DF, 14 ago. 2018.

FLORES, D.; PRADEBON, D. R. S.; CÉ, G. Análise do conhecimento teórico-metodológico da preservação digital sob a ótica da oais, saai, iso 14721 e nbr 15472. Brazilian Journal of Information Science, v. 11, n. 4, 2017. Disponível em: https://brapci.inf.br/index.php/res/v/14730. Acesso em: 15 out. 2021.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa, 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

GRÁCIO, J. C. A. Preservação digital na gestão da informação: um modelo processual para as instituições de ensino superior. 2011. 223 f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Filosofia e Ciências de Marília, 2011. Disponível em: https://repositorio.unesp.br/handle/11449/103351. Acesso em: 18 mar. 2022.

PAJEÚ, H. M.; MOURA, R. R.; CARVALHO, D. O.; CARVALHO, D. O. Organização e classificação para documentos digitais de arquivos pessoais nas nuvens. Ciência da Informação em Revista, Maceió, v. 5, n. 3, p. 58-70, 2018. Disponível em: http://hdl.handle.net/20.500.11959/brapci/109144. Acesso em: 17 out. 2021.

REBELO, V. L. V. et al. Mapeamento de Processo com Base na Metodologia BPMN: Estudo de Caso em uma Companhia de Gás. Caderno de Graduação - Ciências Exatas e Tecnológicas – UNIT - ALAGOAS, v. 6, n. 2, p. 19-19, 2020. Disponível em: https://periodicos.set.edu.br/fitsexatas/article/view/8523. Acesso em: 29 mar. 2022.

SANTOS, B. P.; SILVA, L. A. M.; CELES, C. S. F. S.; BORGES NETO, J. B.; PERES, B. S.; VIEIRA, M. A. M.; VIEIRA, L. F. M.; GOUSSEVSKAIA, O. N.; LOUREIRO, A. F. Internet das coisas: da teoria à prática. Belo Horizonte, 2016. Disponível em: https://homepages.dcc.ufmg.br/~mmvieira/cc/papers/internet-das-coisas.pdf. Acesso em: 26 mar. 2022.

SINGER, T. Tudo conectado: conceitos e representações da internet das coisas. In: SIMPÓSIO EM TECNOLOGIAS DIGITAIS E SOCIABILIDADE, 2., 2012, Salvador. Anais [...] Salvador: UFBA, 2012. v. 2, p. 1-15, 2012. Disponível em: http://www.simsocial2012.ufba.br/modulos/submissao/Upload/44965.pdfAcesso em: 26 mar. 2022.

SOUZA, A. H. L. R.; OLIVEIRA, A. F.; D’AVILA, R. T.; CHAVES, E. P. S. S. O modelo de referência OAIS e a preservação digital distribuída. Ciência da Informação, Brasília, v. 41, n. 1, 2012. Disponível em:https://revista.ibict.br/ciinf/article/view/1352. Acesso em: 15 out. 2021.

SOUZA, T. L.; CARVALHO, T. Internet das coisas (IoT) em bibliotecas universitárias brasileiras: diagnóstico situacional. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação, São Paulo, v. 13, p. 1136-1147, dez. 2017. Disponível em: https://rbbd.febab.org.br/rbbd/article/view/902. Acesso em: 16 out. 2021.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Valdemir Almeida Neto, Alessandra dos Santos Araújo