Modelos de Gestão do Conhecimento e as Inter-Relações com a Cultura Organizacional
PDF
HTML
XML

Palavras-chave

Gestão do Conhecimento; Modelos; Cultura Organizacional

Como Citar

Dias Santos, C., & Lígia Pomim Valentim, M. (2021). Modelos de Gestão do Conhecimento e as Inter-Relações com a Cultura Organizacional. Revista Brasileira De Educação Em Ciência Da Informação, 8. https://doi.org/10.24208/rebecin.v8i.246

Resumo

Esta pesquisa objetiva apresentar como a cultura está sendo retratada nos modelos de gestão do conhecimento, a fim de evidenciar a percepção de alguns pesquisadores sobre esta temática. Para tanto, realiza-se uma análise teórica de cinco modelos de gestão do conhecimento. Os modelos apresentados evidenciam elementos e atividades que estão vinculados aos fatores humanos, estratégicos, infraestrutura organizacional e processos gerenciais. Nesse sentido, três modelos partem da perspectiva de que se a cultura não oferecer as condições necessárias para gerir o conhecimento, qualquer tentativa de conduzir as atividades neste contexto está sujeita a enfrentar barreiras e desafios complexos. Evidencia-se assim, a importância de a gestão do conhecimento centralizar em fatores que lidam diretamente com aspectos humanos, de maneira a viabilizar que os fluxos informais agreguem valor aos fazeres cotidianos de uma organização. Isso requer desenvolver uma cultura favorável para alicerçar os processos constitutivos desse modelo de gestão, propiciando sua exequibilidade e consistência.

https://doi.org/10.24208/rebecin.v8i.246
PDF
HTML
XML

Referências

BUKOWITZ, W. R.; WILLIAMS, R. L. Manual de gestão do conhecimento: ferramentas e técnicas que criam valor para a empresa. Porto Alegre: Bookman, 2002. 399p.

DAVENPORT, T. H.; PRUSAK, L. Conhecimento empresarial. Rio de Janeiro: Campus, 2003.

DUTRA, L. H. A. A ciência e o conhecimento humano como construção de modelos. Philósophos, Goiânia, v.11 n.2, p.247-286, ago./dez. 2006.

MARÍN MARÍN, H. Gestión del conocimiento, capital intelectual, comunicación y cultura. Medellín: Henry Marín Marín, 2005. 254p.

PÉREZ - MONTORO GUTIÉRREZ, M. O conhecimento e sua gestão em organizações. In: TARAPANOFF, K. (Org.). Inteligência, informação e conhecimento. Brasília: IBICT; UNESCO, 2006. p.117-155

PROBST, G.; RAUB, S.; ROMHARDT, K. Gestão do conhecimento: os elementos construtivos do sucesso. Porto Alegre: Bookman, 2002.

RICHTER, F. A. Cultura organizacional e gestão do conhecimento. In: ANGELONI, M. T. (Coord.). Organizações do conhecimento: infra-estrutura, pessoas e tecnologias. São Paulo: Saraiva, 2008.

SCHEIN, E. H. Guia de sobrevivência da cultura corporativa. Rio de Janeiro: José Olympio, 2001.192p

STOLLENWERK, M F. L. Gestão do conhecimento: conceitos e modelos. In: TARAPANOFF, K. (Org.). Inteligência organizacional e competitiva. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 2001. p.143-163

TERRA, J. C. C. As sete dimensões da gestão do conhecimento. In: TERRA, J. C. C. Gestão do conhecimento: o grande desafio empresarial. 3. ed. São Paulo: Negócio Editora, 2001. p.101-224

A ABECIN detém os direitos autorais dos trabalhos que publica, adotando as licenças do Creative Commons, exceto quando houver indicação específica de outros detentores de direitos autorais. Em caso de dúvidas, solicitamos consultar o Editor da REBECIN. Por meio dessa licença, o(s) autor(es) tem/têm a liberdade de compartilhar — copiar, distribuir e transmitir a obra, sob as seguintes condições:

a) atribuição — você deve creditar a obra da forma especificada pelo(s) autor(es) ou licenciante (mas não de maneira que sugira que estes concedem qualquer aval a você ou ao seu uso da obra).

b) uso não-comercial — você não pode usar esta obra para fins comerciais.

c) vedada à criação de obras derivadas — você não pode alterar, transformar ou criar em cima desta obra.

Evidencia-se que:

a) renúncia — qualquer das condições acima pode ser renunciada se obtiver permissão do titular dos direitos autorais.

b) domínio público — onde a obra ou qualquer de seus elementos estiver em domínio público sob o direito aplicável, esta condição não é, de maneira alguma, afetada pela licença.

c) outros direitos — os seguintes direitos não são, de maneira alguma, afetados pela licença:

- Limitações e exceções aos direitos autorais ou quaisquer usos livres aplicáveis;

- Os direitos morais do(s) autor(es);

- Direitos que outras pessoas podem ter sobre a obra ou sobre a utilização da obra, tais como direitos de imagem ou privacidade.

O(s) autor(es) submeteu(ram) a declaração de responsabilidade e transferência de direito autoral à REBECIN. Para tanto, faça o download do modelo da declaração acessando a URL: https://portal.abecin.org.br/rebecin/

Obs.: Após ler e assinar envie o arquivo digitalizado junto com a submissão.