Ética profissional em gestão da informação
PDF/A
HTML
XML

Palavras-chave

Gestão da Informação
Códigos de Ética
Bushidô
Ética Profissional

Como Citar

AZEVEDO, A. W. Ética profissional em gestão da informação: uma proposição a partir do código de conduta Bushidô . Revista Brasileira de Educação em Ciência da Informação, São Cristovão, v. 9, n. número especial, p. 1–13, 2022. DOI: 10.24208/rebecin.v9.316. Disponível em: https://portal.abecin.org.br/rebecin/article/view/316. Acesso em: 30 set. 2022.

Resumo

A conduta ética alusiva à atuação profissional busca representar os valores que orientam o comportamento de determinada prática, explanado em documentos como os códigos de ética. Na perspectiva que atinge os gestores da informação, profissões que carece discussão na regulamentação do exercício no Brasil, a ética precisa ser amplamente debatida por seus profissionais e no ambiente acadêmico. Nesse sentido, buscou-se analisar as discussões em torno da conduta ética, trazendo a luz uma reflexão tendo como base a conduta do Bushidô. O objetivo do estudo foi de evidenciar as possibilidades de contribuições do código de ética Bushidô, enquanto balizador na conduta ética do gestor da informação. O procedimento metodológico adotado empregou-se da análise qualitativa e exploratória de artigos recuperados na Base de Dados de Periódicos em Ciência da Informação.  Os resultados levam a concluir pela necessidade de estudos mais aprofundados sobre a conduta ética para os profissionais de gestão da informação, de modo a garantir o exercício profissional.

https://doi.org/10.24208/rebecin.v9.316
PDF/A
HTML
XML

Referências

DESCARTES, R. Discurso do método. 2. ed. Trad. J. Guinsburg e Bento Prado Júnior. São Paulo: Abril Cultural, 1979.

EVANGELISTA, I. V.; SILVA, A. P.; GUIMARÃES, J. A. C. ética profissional em ciência da informação: uma análise de códigos de ética de arquivistas e bibliotecários. Páginas A&B, Arquivos e Bibliotecas, n. 13, p. 3-12, 2020.

HEGEL, G. W. F. Fenomenologia do espírito. Trad. Paulo Menezes. Petrópolis: Editora Vozes, 2007.

HOBSBAWM, E.; RANGER, T. A Invenção das tradições. São Paulo: Paz e Terra, 2008.

KANT, I. Fundamentação da metafísica dos costumes. Trad. por Paulo Quintela. Lisboa: Edições 70, 1986.

MALIANDI, R. Ética: conceptos y problemas. Buenos Aires: Biblos, 2004.

MARX, K.; ENGELS, F. Ideologia Alemã. São Paulo: Boitempo, 2007.

NALINI, J. R. Ética geral e profissional. 2.ed. rev.e ampl. São Paulo: Ed. Revista dos Tribunais, 1999.

NAVARRO, M. T. R.; MUÑOZ, R. S. La influencia del Bushidô en La Constituición Japonesa de 1889 y en El Edicto Imperial de La Educación de 1890. Nuevas Perspectivas de Investigación sobre Asia Pacifico, v. 1, n. 2, p. 239-253, 2008.

NITOBE, I. Bushidô: alma de samurai. São Paulo: Ed.‎ Tahyu, 2005.

NITOBE, I. Caminho do samurai. Trad. Guilherme K. Godinho. São Paulo: Pé de Letra, 2019.

SANTOS, O. M. Fundamentos do código de ética do profissional da informação: o estado da questão. Cadernos BAD, n. 1, p. 45-56, 2015.

SARTRE, J. P. O ser e o nada: ensaio de ontologia fenomenológica. Trad. Paulo Perdigão. 18. ed. Petrópolis: Vozes, 2009.

SATUR, R. V.; SILVA, A. M.; SILVA, A. M. ética na vida, nas profissões e nas organizações: reflexões para debate nos diversos cursos universitários e politécnicos. Prisma.com, n. 42, p. 21-41, 2020.

SEQUEIRA, J. ética na informação: princípios e códigos de ética profissional. Cadernos BAD, n. 1, 1996.

SONODA, H. The Decline of the Japanese Warrior Class, 1840-1880. Japan Review, v.1, s/n, p. 73-111, 1990.

SOUZA, F. C. Ética e deontologia: textos para profissionais atuantes em bibliotecas. Florianópolis: UFSC; Itajaí: UNIVALI, 2002.

Creative Commons License
Este trabalho está licenciado sob uma licença Creative Commons Attribution 4.0 International License.

Copyright (c) 2022 Alexander Willian Azevedo